Medo volta a comunidade perto de barragem em MG Liberação de enorme depósito de rejeitos de minério em Nova Lima assombra a vizinhança

A cassação de duas liminares, uma que impedia a continuidade da deposição de rejeitos na Barragem de Maravilhas 2 e outra que suspendia a construção de Maravilhas 3 no mesmo complexo, no município da Grande BH, atemoriza moradores de dois condomínios e quatro propriedades rurais que vivem abaixo do empreendimento. A primeira represa acumula 101 milhões de metros cúbicos de lama, e a segunda está sendo preparada para retenção ainda maior: 108 milhões de metros cúbicos. Para se ter ideia, a capacidade de cada uma é bem mais alta do que a da Barragem do Fundão, em Mariana, cujo rompimento liberou o tsunami de 36 milhões de metros cúbicos de rejeitos. O receio dos vizinhos é justamente uma tragédia, como a ocorrida há três anos, que matou 19 pessoas e devastou a Bacia do Rio Doce. Com o agravante de que poderia atingir a captação de água no Rio das Velhas que abastece 48% da região metropolitana da capital. A Vale, responsável pelas barragens, garante que elas são estáveis. E acrescenta que o plano de segurança inclui oito sirenes e treinamento de autossalvamento para moradores próximos. Porém, o advogado Gustavo Rocha Miranda, síndico de um dos condomínios ameaçados, alerta que, em caso de rompimento, a lama chegaria às primeiras casas em menos de meio minuto, o que tornaria inócuas as providências.



ENEM TEM SEGUNDO DIA TRANQUILO ENEM TEM SEGUNDO DIA TRANQUILO Diferentemente do primeiro domingo de provas, quando dois irmãos gêmeos foram presos em Montes Claros, no Norte de Minas, acusados de tentar fraudar o exame, o encerramento do Enem transcorreu sem maiores transtornos ontem. Não houve denúncias de irregularidades no estado e no restante do país. Em Belo Horizonte, a chuva deu trégua e ajudou os estudantes a chegarem com mais tranquilidade aos locais do teste. Mas isso não impediu a velha correria dos atrasados, que levou uma candidata a cair e ser ajudada (E) para passar pelo portão da PUC Minas antes do fechamento. (Foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press)



superesportes » Galo segura líder, mas continua em jejum Galo segura líder, mas continua em jejum O empate por 1 a 1 com o Palmeiras no Horto, com golaço de Elias (foto), ampliou para seis a sequência de jogos sem vitória do Atlético, mas o colocou de volta no G-6. A posição, no entanto, pode ser perdida hoje, se o Santos vencer a Chape. Já o Palmeiras manteve cinco pontos de vantagem na liderança do Brasileiro sobre o Internacional, que empatou com o Ceará (1 a 1). (Foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)



em cultura » Metal em BH Metal em BH Prestes a completar 50 anos de estrada, a banda britânica Judas Priest, do vocalista Rob Halford (foto), o "Deus do Metal", volta a BH com o show da turnê Solid rock, quarta-feira. E promete alucinar a galera, como na histórica apresentação de 2011. (Foto: Axel Heimkem/AFP)

pelo 2º ano seguido » Judiciário caminha para extrapolar teto de gastos

Joaquim Levy deve assumir o BNDES Além do novo presidente do banco de fomento, já estariam escolhidos Ivan Monteiro para continuar na Petrobras e Mansueto Almeida para seguir na Secretaria do Tesouro ou ser secretário de Fazenda. Nos próximos dias, o presidente eleito Jair Bolsonaro também deve indicar os nomes dos ministros de Meio Ambiente, Saúde, Defesa e Relações Exteriores.


Aguarde, procurando programas...
D S T Q Q S S